140x140

Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE)
Passo a passo para se inscrever - preencha o Formulário de inscrição no final da pagina - Aguarde o e-mail de confirmação junto ao contrato - Envie por correio o contrato para a clinica ludens

A Integração Sensorial é uma técnica de tratamento que foi preconizada pela Terapeuta Ocupacional americana Jean Ayres. Inicialmente foi dirigida a crianças que apresentavam distúrbio de aprendizagem e atualmente a sua utilização se ampliou também aos portadores de disfunções neurológicas, que se beneficiam com a sua aplicação em hospitais, instituições, clínicas e escolas.

Esse é um processo pelo qual o cérebro organiza as informações, de modo a dar uma resposta adaptativa adequada, para organizar as sensações do próprio corpo em relação ao ambiente. As nossas capacidades de processamento sensorial são usadas para a interação social, o desenvolvimento de habilidades motoras e para a atenção e concentração.

“Ayres define a integração sensorial como sendo a organização de informações sensoriais, proveniente de diferentes canais sensoriais e a habilidade de relacionar estímulos de um canal a outro, de forma a emitir uma resposta adaptativa.”

Saiba Mais sobre Integração Sensorial em Especialidades
Artigo sobre Integração Sensorial em Ludens Notícias

 

BREVE - PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO EM INTEGRAÇÃO SENSORIAL USC BRASIL 2018 - FORMULÁRIO DE INTERESSE: https://form.jotformpro.com/72214310097952

Terapia Ocupacional com base na Integração Sensorial

Integração Sensorial (IS)
A Integração Sensorial é uma área de especialidade da Terapia Ocupacional que se baseia em mais de 40 anos de pesquisa e desenvolvimento da teoria. O termo “integração sensorial” refere-se a:

  • A forma como o cérebro organiza as sensações para o envolvimento na ocupação
  • Uma teoria baseada na neurociência que fornece a perspectiva para avaliar as dimensões sensoriais do comportamento humano
  • Um modelo para a compreender a forma com que a sensação afeta o desenvolvimento
  • Avaliações incluindo testes padronizados, observação sistemática, e entrevistas com pai ou professor que identificam padrões de disfunções de integração sensorial
  • Estratégias de intervenção que melhoram o processamento de informações, a práxis, e o engajamento na vida diária dos indivíduos.

História da Integração Sensorial

A especialidade de integração sensorial (SI) foi originalmente desenvolvida pela A. Jean Ayres PhD, OTR, que era ao mesmo tempo terapeuta ocupacional e psicóloga educacional. Como parte do corpo docente de terapia ocupacional da USC, ela desenvolveu um quadro teórico, um conjunto de testes padronizados (hoje conhecidos como os Testes de Integração Sensorial e Práxis – SIPT), e uma abordagem clínica para identificação e tratamento de problemas de IS em crianças. Suas publicações sobre integração sensorial abrangem um período de 30 anos a partir da década de 1960 até a década de 1980, e incluem estudos psicométricos, bem como ensaios clínicos e estudos de casos individuais.

O que significa Terapia Ocupacional com base em Integração Sensorial?
A maior parte das pesquisas e da prática em Integração Sensorial é focada em crianças que têm uma série de dificuldades de desenvolvimento e aprendizagem, incluindo autismo e outras deficiências e condições de risco do desenvolvimento, comportamento e distúrbios de atenção, dificuldades de aprendizagem e dispraxia. Uma avaliação minuciosa é fundamental para determinar se um problema de processamento sensorial é um fator no desenvolvimento da criança, e em caso afirmativo, definir quais as estratégias de intervenção que mais irão ajudar esta criança e sua família.
A intervenção clássica geralmente ocorre dentro de um ambiente terapêutico especialmente concebido que permite ao terapeuta apresentar desafios sensoriais e de movimento específico para a criança, que gradualmente aumentam em complexidade ao longo do tempo. Este tipo de intervenção é caracterizado por uma atmosfera lúdica em que a criança é incentivada a gerar ideias para atividades, para responder de forma flexível a novos desafios e desenvolver a confiança, bem como a competência.
A intervenção inclui consultas e instrução aos pais, professores e outros profissionais de saúde, modificação de ambientes e inclusão de atividades com base sensorial apropriada ao longo do dia. A aplicação dos princípios de integração sensorial dentro das clinicas, empresas e instituições leva em consideração as demandas sensoriais no local de trabalho. A aplicação em outras populações leva em conta, também, as diferenças e exigências sensoriais e práticas desta população, como por exemplo, adultos com autismo.

Mais sobre Integração Sensorial
O termo integração sensorial tem um significado especial para terapeutas ocupacionais. Em alguns contextos, é usado para se referir a um modo particular de visualização da organização neural de informação sensorial para o comportamento funcional. Em outras situações, este termo refere-se a um quadro clínico de referência para a avaliação e tratamento das pessoas que têm distúrbios funcionais no processamento sensorial. Ambos os significados foram originados na obra de A. Jean Ayres, terapeuta ocupacional e psicóloga educacional, cujas pesquisas originais e insights clínicos brilhantes revolucionaram a prática da terapia ocupacional com crianças.
As ideias de Ayres “marcaram o início de uma nova forma de olhar para as crianças e compreender melhor sobre o desenvolvimento, aprendizagem e problemas emocionais que surgem durante a infância.

Integração Sensorial no desenvolvimento da criança
Uma das contribuições mais distintas que Ayres realizou para entender o desenvolvimento da criança era seu foco no processamento sensorial, principalmente com relação aos sentidos proximais (vestibular, táteis e proprioceptivos). Do ponto de vista da integração sensorial, esses sentidos são enfatizados pois são primitivos e primário; eles dominam as interações da criança com o mundo no início da vida. Os sentidos distais, de visão e audição são críticos e tornam-se cada vez mais dominantes a medida em que a criança amadurece. Ayres acreditava, no entanto, que os sentidos centrados no corpo são uma base sobre a qual as ocupações complexas são construídas.
Além disso, quando Ayres começou seu trabalho, os sentidos, vestibular, tátil e proprioceptivo foram praticamente ignorados pelos estudiosos e médicos que estavam interessados no desenvolvimento da criança. Ela, então, dedicou sua carreira a estudar os papéis que esses sentidos esquecidos desempenham no desenvolvimento e na gênese de problemas de desenvolvimento das crianças. Uma suposição básica feita por Ayres, era que a função do cérebro é um fator crítico para o comportamento humano. Ela fundamentou, portanto, que o conhecimento da função e disfunção cerebral lhe daria uma visão sobre o desenvolvimento da criança e assim a ajudaria a entender os problemas de desenvolvimento das crianças.
No entanto, Ayres também tinha uma orientação pragmática que surgiu de sua experiência profissional como terapeuta ocupacional. Ela estava preocupada especialmente com o modo como as funções do cérebro afetavam a capacidade da criança de participar com sucesso em ocupações cotidianas. Consequentemente, o seu trabalho representa uma fusão de insights neurobiológicos com as preocupações práticas e cotidianas dos seres humanos, em particular das crianças e suas famílias.
Assim que Ayres desenvolveu suas ideias sobre a integração sensorial, ela usou termos como integração sensorial, resposta adaptativa e práxis de maneiras que refletissem sua orientação. Ela tirou outros termos da literatura e outros campos. Quando Ayres emprestou um termo de outro campo, no entanto, ela conferiu um significado especial para ele. Por exemplo, Ayres não usou o termo integração sensorial para se referir unicamente às conexões sinápticas intrincadas dentro do cérebro, como os neurocientistas. Em vez disso, ela aplicou a processos neurais e como eles se relacionam com o comportamento funcional. Daí sua definição de que a integração sensorial é a “organização da sensação para o uso” (Ayres, 1979, p. 5). Esta inclusão da cláusula final “para uso”, define uma marca de Ayres, pois amarra o processamento sensorial à ocupação da pessoa.
Ayres introduziu um novo vocabulário da teoria da integração sensorial e sintetizou conceitos importantes da literatura neurobiológica para organizar seus pontos de vista sobre o desenvolvimento da criança e disfunção. Muitas dessas ideias foram publicadas pela primeira vez em seu livro clássico de 1972, Sensory Integration and Learning Disorders  (Integração Sensorial e Transtornos de Aprendizagem). Mais tarde, em 1979 (com reedição em 2004), ela escreveu um livro para os pais, Sensory Integration and the Child (Integração Sensorial e a Criança) , delineando as mudanças de comportamento que podem ser observadas em uma criança à medida em que a integração sensorial se desenvolve.

 

De Parham, D., & Mailloux, Z. (2001). Sensory Integration. In J. Case-Smith (Ed.), Occupational therapy for children (pp. 329-381). Philadelphia, PA: Mosby.

 

Texto original: http://chan.usc.edu/academics/sensory-integration/history-and-theory

Desde 2012 a Ludens traz ao Brasil o Programa de Certificação Internacional em Integração Sensorial Completo, autorizado e reconhecido pela University of Southern California Department of Occupational Science (USC) e Western Psychological Services (WPS).

Em 2016 houve a reestruturação do modelo de certificação e este novo Programa de Certificação em Integração Sensorial passou a ser oferecido exclusivamente pela USC.

Em 2017 em parceria com a Ludens, o Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) oferece uma oportunidade para a prática de terapeutas ocupacionais para adquirir conhecimentos avançados na teoria, princípios, avaliação e intervenção de integração sensorial originados pela Dra. A. Jean Ayres. Para obter este certificado CE, os participantes deverão completar 100 horas de contato dentro dos seguintes Cursos CE, que devem ser completados em ordem numérica:

Nova Estrutura do Curso: A certificação compreende 3 cursos (módulos) + 2 Tópicos Especiais. (100 horas)

Curso 1 - Carga horária do certificado USC: 30 horas.
Curso 2 - Carga horária do certificado USC: 21 horas.
Curso 3 - Carga horária do certificado USC: 21 horas.
Topicos Especiais - Carga horária do certificado USC: 14 horas.
2 Tópicos especiais são necessários para a conclusão da certificação totalizando 28 horas

ATENÇÃO: Aos profissionais que iniciaram ou completaram a Certificação com a estrutura antiga, TODOS OS CERTIFICADOS PERMANECEM VÁLIDOS. Aos que desejam completar ou refazer o programa neste novo formato, verifiquem a aba PERGUNTAS FREQUENTES. Os procedimentos para requerer dispensa nos Modulos já cursados.

 

Contaremos com tradução sequencial durante os cursos e apostilas traduzidas para o português.

 

CE Curso 1 - Fundamentos Teóricos de Integração Sensorial: Da Teoria à Identificação - CertificaçãoCE Curso 2 - Avaliação de Integração Sensorial e Raciocínio Clínico: Da Identificação à Intervenção - CertificaçãoCE Curso 3 - Tratamento de Integração Sensorial: Da Intervenção à Participação - Certificação


C1 - REALIZADO - Atingimos o limite de inscrições.

CE Curso 1 - Fundamentos Teóricos de Integração Sensorial: Da Teoria à Identificação (30 horas)

08 a 12 de Abril de 2017 (Sábado a Quarta)
Ministrante: Stefanie Bodison OTD, OTR/L, C/NDT
Autorizado para Terapeutas Ocupacionais, Fisioterapeutas, Fonoaudiólogos, Psicólogos e Médicos.

C2 - REALIZADO.

CE Curso 2 - AGOSTO - ENCERRADA- Avaliação de Integração Sensorial e Raciocínio Clínico: Da Identificação à Intervenção (21 horas):
11 a 13 de Agosto de 2017 (Sexta à Domingo)
Ministrante: Stefanie Bodison OTD, OTR/L, C/NDT
Autorizado para Terapeutas Ocupacionais.

CE Curso 2 SETEMBRO - ENCERRADA - Avaliação de Integração Sensorial e Raciocínio Clínico: Da Identificação à Intervenção (21 horas):
10 a 12 de Setembro de 2017 (Domingo à Terça)
Ministrante: Erna Blanche PhD, FAOTA, OTR/L
Autorizado para Terapeutas Ocupacionais.

C3 - REALIZADO:

CE Curso 3 - Tratamento de Integração Sensorial: Da Intervenção à Participação (21 horas):
14 a 16 de Setembro de 2017 (Quinta-Feira à Sabado)

Ministrante: Erna Blanche PhD, FAOTA, OTR/L
Autorizado para Terapeutas Ocupacionais.

 

Tópicos Especiais em Integração Sensorial (28 horas):

Integração Sensorial para Indivíduos no Transtornos do Espectro Autista (14 horas):
13 a 14 de Março de 2018 (Terça-Feira e Quarta-Feira)

Ministrante: Gustavo Reinoso, PhD, OTR/L
Autorizado para Terapeutas Ocupacionais.

Integração Sensorial em Ambientes Escolares (14 horas):
15 a 16 de Março de 2018 (Quinta-Feira e Sexta-Feira)

Ministrante: Gustavo Reinoso, PhD, OTR/L
Autorizado para Terapeutas Ocupacionais.

Instrutores de renome mundial

A Certificação em Integração Sensorial, foi desenvolvida por eminentes especialistas no campo da Terapia Ocupacional que estudaram diretamente com a Dra. A. Jean Ayres, criadora da Integração Sensorial como marco de referência; Integração Sensorial Ayres ®. Todos os instrutores são docentes na universidade, pesquisadores ou mestres clínicos em Terapia Ocupacional com experiência no estudo do processamento sensorial e disfunções sensoriais relacionadas.

Os instrutores para o Programa de Certificação USC Integração Sensorial Educação Continuada (CE) são renomados líderes na pesquisa de integração sensorial, educação e prática. Os instrutores são terapeutas ocupacionais licenciados/registrados com doutorado e/ou mais de 20 anos de experiência clínica.
A USC prove este curso de treinamento monitorado que oferece a oportunidade aos alunos para a discussão e colaboração direta com os instrutores assegurando o domínio e consistência do conteúdo em todos os locais em que o curso é oferecido. Os instrutores atuais da USC Sensory Integration Continuing Education (CE) Certificate Program são:

 

Erna Blanche PhD, FAOTA, OTR/L

Dra. Erna Imperatore Blanche é graduada em Terapia Ocupacional pela Universidade do Chile (Santiago), fez Mestrado em Educação Especial pela Universidade de Columbia - USA. É Ph.D. em Ciências Ocupacionais pela Universidade Sul da Califórnia - USA, especialista em Terapia Ocupacional infantil e intervenções baseadas nas Ciências Ocupacionais. É autora de dois livros e uma série de vídeos em práticas pediátricas correlacionando o tratamento neuroevolutivo e os princípios da Integração Sensorial. Autora de numerosos artigos em inglês e espanhol sobre práticas clínicas, publicados em revistas de alto impacto científico como American Journal of Occupational Therapy, Occupational Therapy International, The Journal of Occupational Science. Dra Erna é instrutora do Método de Integração Sensorial em mais de 20 países e ainda é responsável pela Therapy West Inc., clínica fundada por ela em parceria com o departamento de Terapia Ocupacional da Universidade do Chile, localizada em Los Angeles - USA.

 

Stefanie Bodison OTD, OTR/L, C/NDT

Dra. Stefanie Bodison é graduada pela University of Southern Califórnia e tem-se especializado em técnicas sensório-motoras e de intervenção no desenvolvimento neurológico com crianças, por mais de 20 anos. As populações com as quais tem trabalhado, incluem crianças com autismo, dispraxia do desenvolvimento, paralisia cerebral, transtorno do desenvolvimento da coordenação e dificuldades de aprendizagem, além da preocupação com suas famílias. A pesquisa atual da Dra. Bodison centra-se na utilização de técnicas de imagem multimodal (MRI, fMRI e DTI) para investigar os mecanismos neurais da integração sensório-motora em crianças com uma variedade de condições de desenvolvimento neurológico. Dra. Bodison atualmente detém a concessão KL2 Mentored Career Development Award from the Southern California Clinical and Translational Science Institute at the University of Southern California (NIH/NCRR/NCATS #KL2TR000131). De 2011 a 2013, foi bolsista do Programa de Treinamento e Pós-Doutorado sobre Testes de Eficácia e Eficiência na Reabilitação, um Programa de Formação Pós-Doutorado T32 NIH financiado na USC Chan Division of Occupational Science and Therapy (1T32 HD64578-1A1). Dra. Bodison é especializada no tratamento de crianças com dificuldades motoras orais e de alimentação, assim como, a combinação de integração sensorial e técnicas de tratamento neurodesenvolvimentista (Neuro-Developmental Treatment™), visando os desafios da vida diária em crianças com autismo, dificuldades de aprendizagem, paralisia cerebral, disfunções de Integração Sensorial e desordens neuromotoras. Ministrou disciplinas sobre integração sensorial e problemas de alimentação e deglutição em crianças, nos Estados Unidos e internacionalmente, atualmente é professora na pediatria da USC Chan Division of Occupational Science and Occupational Therapy.

Mais informações no site da USC: Stefanie Bodison

 

Gustavo Reinoso PhD, OTR/L

Gustavo Reinoso recebeu o título de terapeuta ocupacional na Universidade do Litoral na Argentina e seu PhD na Nova Southeastern University (NOVA) nos Estados Unidos (USA). O Dr. Reinoso obteve sua formação e treinamento avançado em terapia ocupacional, investigação, pediatria, e integração sensorial. Tem publicado capítulos em livros, artigos, e artigos de opinião nos temas relacionados à terapia ocupacional, pediatria e integração sensorial. Gustavo apresenta seus trabalhos anualmente em conferências nacionais e internacionais. Atualmente é co-fundador de Advance Therapy Systems (ATS), um centro terapêutico que proporciona serviços especializados na clínica e na comunidade para crianças, adolescentes e adultos na Republica da Irlanda. Este centro enfatiza a utilização da integração sensorial, assim como também, a combinação de abordagens terapêuticas e técnicas de medição através da utilização de programas inovadores. O Dr. Reinoso ministra cursos e oficinas nos EUA, na América Latina (Argentina, Chile, México, Peru, Venezuela e Brasil), Europa (Espanha, Irlanda e Reino Unido) e nos Países Árabes (Arábia Saudita). Gustavo faz parte do grupo de instrutores para Certificação Americana de Integração Sensorial através do Western Psychological Services (WPS) e na University of Southern Califórnia (USC) e também na certificação na Integração Sensorial no Reino Unido (UK) e na República da Irlanda (IR) através do Sensory Integration Network (SIN-UK-IR).

 

Sharon Cermak EdD, OTR/L, FAOTA

Sharon Cermak recebeu seu título de bacharel em Terapia Ocupacional da Universidade do Estado de Ohio, o grau de Master of Science em Terapia Ocupacional pela Universidade de Boston, Programa de Pós-Graduação, e seu doutorado em Educação Especial da Universidade de Boston. Dra. Cermak é conhecida pela sua perícia no Transtorno do Desenvolvimento da Coordenação/ Dispraxia, um interesse de longa data dela. Ela co-editou o texto inicial, "Distúrbios do Desenvolvimento da Coordenação", e, mais recentemente, serviu como um membro de uma Força-Tarefa NIH em Distúrbios Motores da Infância.

Mais informações no site da USC: Sharon Cermak

 

Juliana Gutiérrez MA, OTR/L, FAOTA

Terapeuta Ocupacional graduada pela Escola Colombiana de Reabilitação ligada à Universidade de Nuestra Señora del Rosario, em Bogotá. Mestre em Terapia Ocupacional pela University of Southern Califórnia (USC). Especialista em Ensino Superior pela Universidade de Nuestra Señora del Rosario (Universidad del Rosario), Bogotá, Colombia. Completou os estudos avançados em Integração Sensorial pela USC e no Método Neuroevolutivo na Associação de Neurodesenvolvimento. Possui licença para práticas avançadas em alimentação e deglutição pelo Conselho de Terapia Ocupacional da Califórnia. Atualmente trabalha como Supervisora Clínica na Therapy West Inc. em Los Angeles, USA. Ministra cursos na área de Integração Sensorial e técnicas de avaliação na America Latina e nos EUA.

 

 

Diane Parham PhD, OTR/L, FAOTA

Instrutores adicionais serão apresentados em breve

Data: 08 a 12 de Abril de 2017

Horário:

Dia 08 - das 8:30h as 17:00h
Dias 09, 10 e 11 - das 9:00h as 17:00h
Dia 12 - das 08:00h as 13:00h

CE Curso 1 - Fundamentos Teóricos de Integração Sensorial: Da Teoria à Identificação (30 horas)

    Este curso abrange os princípios Neurocomportamentais básicos que sustentam a teoria de integração sensorial. As contribuições específicas dos sistemas sensoriais individuais são analisadas no contexto das atividades diárias e nas ocupações. São apresentados os Padrões típicos de disfunção de integração sensorial e suas implicações básicas para intervenção.

Publico Alvo: Autorizado para Terapeutas Ocupacionais, Fisioterapeutas, Fonoaudiólogos, Psicólogos e Médicos.

Material: Apostila traduzida para o Português / Brasil (tradução autorizada pela USC).

RECOMENDAÇÕES: É recomendado que o participante já tenha participado de algum curso introdutório sobre a técnica de IS, tenha conhecimento básico da neuroanatomia e também que faça a leitura da literatura relacionada à integração sensorial antes de participar do Curso I.


Referência de Curso Introdutório em Integração Sensorial acesse:

Curso de Integração Sensorial Introdutório

Data:

TURMA AGOSTO - INSCRIÇÕES ENCERRADAS - 11, 12 e 13 de AGOSTO de 2017 (Sexta a Domingo)

TURMA SETEMBRO - ESGOTADA - 10, 11 e 12 de Setembro de 2017 (Domingo à Terça-Feira)

O Este curso foi concebido para proporcionar aos participantes o conhecimento necessário para avaliar com precisão a função da integração sensorial e as disfunções em crianças. Os participantes irão aprender sobre uma variedade de ferramentas de avaliação disponíveis para medir a disfunção de integração sensorial. Além disso, os participantes irão usar observações clínicas e raciocínio clínico para desenvolver uma compreensão abrangente das diferenças sensoriais em várias populações clínicas e o impacto dessas diferenças sensoriais sobre o desempenho funcional.

Público Alvo: Autorizado apenas para Terapeutas Ocupacionais.

Material: Apostila traduzida para o Português / Brasil (tradução autorizada pela USC).

RECOMENDAÇÕES: Recomenda-se conhecimento básico em Estatística e em Testes de medidas de avaliação em Integração Sensorial.

PRÉ-REQUISITOS: Ter concluído o CE Curso 1 - Fundamentos Teóricos de Integração Sensorial: Da Teoria à Identificação.

Data: 14, 15 e 16 de Setembro de 2017 (Quinta-Feira à Sabado)

Este curso prepara os participantes para fornecer intervenção usando o quadro teórico de integração sensorial como referência. Estratégias para o planejamento de intervenções e raciocínio clínico baseado em princípios de integração sensorial são discutidos em profundidade. Uma visão geral das abordagens de intervenção em integração sensorial para diversas populações, explorando uma variedade de configurações.

Público Alvo: Autorizado apenas para Terapeutas Ocupacionais.

Material: Apostila traduzida para o Português / Brasil (tradução autorizada pela USC).

 

PRÉ-REQUISITOS: Ter concluído os CE Curso 1 e 2.

Tópicos Especiais em Integração Sensorial (28 horas):

Após a conclusão dos Cursos CE 1, 2 e 3, os participantes terão a oportunidade de escolher dois cursos a partir de uma variedade de tópicos especiais, que são mais apropriados à sua prática clínica. Estes cursos avançados abrangem uma variedade de tópicos especiais sobre a aplicação dos princípios de integração sensorial em determinado contexto. Tópicos especiais incluem Integração Sensorial em Ambientes Escolares (14 horas), Integração Sensorial e Intervenção Precoce (14 horas), Integração Sensorial para Indivíduos no Transtornos do Espectro Autista (14 horas) e O Processo de Alimentação com base Sensorial (14 horas).

Publico Alvo: Autorizado apenas para Terapeutas Ocupacionais.

Material: Apostila traduzida para o Português / Brasil (tradução autorizada pela USC).

PRÉ-REQUISITOS: Ter concluído o CE Curso 1, 2 e 3.

Como a certificação em IS da USC se compara a outros cursos de IS oferecidos ao redor do mundo?

O programa da USC de Certificação em IS tem sido desenvolvida por uma equipe de especialistas altamente qualificados em IS. O material apresentado neste programa baseia-se na rica história da IS originada por A. Jean Ayres, PhD, OTR e é reforçada por atualizações nos resultados da investigação e evolução dos métodos clínicos. O programa de certificação em IS da USC é apoiado por um dos mais prestigiados programas de Terapia Ocupacional no mundo, o qual se encontra abrigado em uma das principais universidades de pesquisa, globalmente conectada R1 (?). Os participantes podem ter certeza que as informações que serão oferecidas estão fundamentadas no trabalho original da Dra. Ayres e com base na ciência atual e aplicável em práticas clínicas atuais.

Porque a USC desenvolveu um novo programa de educação continuada em IS?

A Integração Sensorial teve sua origem pela professora emérita da USC, A. Jean Ayres, PhD, OTR, que possuía as formações em Terapia Ocupacional e Psicologia Clínica. Dra. Ayres desenvolveu a base teórica, um conjunto de testes padronizados e uma abordagem clínica para a identificação e remediação (tratamento) dos problemas de Integração Sensorial em crianças. Suas publicações sobre IS, desde 1960 até os anos 80, abrangem um período de 30 anos e incluem estudos psicométricos bem como ensaios clínicos e séries de casos únicos. A divisão Chan de Ciência e Terapia Ocupacional da USC tem uma rica história de formação avançada no treinamento em IS, começando com turmas práticas iniciais, OT 610, sendo conduzido o ensino pela Dra. Ayres desde o início da USC, em 1977. Através do desenvolvimento continuado e aperfeiçoamento do conteúdo e dos materiais, ao longo de 35 anos, a divisão Chan continua empenhada em defender o legado do trabalho da Dra. Ayres na ciência e na aplicação clínica da IS e sentimos que esse compromisso seria melhor apresentado através de um programa de educação continuada sobre IS, tanto nos EUA como no resto do mundo.

Quem é elegível para O Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) completo?

O Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) foi concebido por terapeutas ocupacionais tendo os terapeutas ocupacionais como público-alvo primário.
São elegíveis para a série completa de cursos e para o certificado final, Terapeutas Ocupacionais graduados em universidades de Terapia Ocupacional, reconhecidas/aprovadas pelo órgão de educação governamental do país.
Alunos de TO do 4º Ano da Graduação podem fazer os cursos, mas não são elegíveis para o Certificado de Integração Sensorial CE USC, até que se graduem como Terapeutas Ocupacionais.

Fisioterapeutas e fonoaudiólogos são elegíveis para completar o programa USC Sensorial Certificado de Integração CE?

No Brasil, estes profissionais podem participar apenas do CE Curso 1 - Fundamentos Teóricos de Integração Sensorial: Da Teoria à Identificação
Nos EUA, fisioterapeutas e fonoaudiólogos que se formaram em universidades de fisioterapia e fonoaudiologia, reconhecidas/aprovadas por órgão de educação governamental dos EUA, são elegíveis para a série completa de cursos e certificado. Como os cursos são desenvolvidos visando terapeutas ocupacionais, os TO´s têm prioridade na inscrição do curso, e um número limitado de fisioterapeutas e fonoaudiólogos podem ser admitidos.

Posso usar meu certificado do Programa Anterior de Certificação WPS/USC, para completar o novo Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE), posso eliminar algum curso?

Para terapeutas ocupacionais dos cursos concluídos nos últimos 10 anos, o antigo Curso 1 USC / WPS (Teoria SI) terá equivalência para o novo Curso 1 USC CE (também teoria IS) e o curso USC/WPS 4 (SI Intervenção) terá equivalência para o novo Curso 3 USC CE (também intervenção IS). Para candidatar-se a compensação, os participantes terão de preencher o formulário de "consideração especial" e enviar o formulário, juntamente com cópias de seus certificados. Sobre este formulário a Ludens irá disponibilizar em breve assim que tivermos a confirmação das datas para os Cursos 2 e 3.

Isto significa que os únicos cursos exigidos para obter o novo certificado do Programa de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial da USC (CE) serão os: CE Curso 2 (21 horas) e as 28 horas de Tópicos Especiais em Integração Sensorial (2 cursos de 14 horas cada).

Equivalência de Cursos para candidatar-se a "Consideração Especial":

Certificação em Integração Sensorial - WPS/USC – nos últimos 10 anos

Programa de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial da USC (CE)

Curso 1

Curso 1

Curso 4

Curso 3

 

Em que formato os cursos do Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) são oferecidos?

Os cursos Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) são oferecidos presencialmente em Los Angeles a partir de agosto de 2016. Cursos CE ocorrerão presencialmente em todo os Estados Unidos e internacionalmente a partir de 2017. Datas e locais serão atualizadas regularmente. ficação
Os cursos on-line no Site da USC, em Inglês, também estarão disponíveis a partir do final de 2016. Cada curso será oferecido on-line uma vez por ano. Os cursos on-line podem ser concluídos ao longo de um período de 6-8 semanas em um formato assíncrono. O instrutor estará disponível para responder a perguntas e facilitar as discussões, conforme necessário.

Quais são as qualificações dos instrutores que ensinam os cursos do Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE)?

Os instrutores do Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) são renomados especialistas de terapia ocupacional na investigação integração sensorial, educação e prática, com titulação de doutorado e/ou com mais de 20 anos de experiência clínica. Os instrutores primários para este programa são da faculdade USC.

A USC irá manter um banco de dados de terapeutas que tenham concluído o Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE)?

Sim, após a conclusão de todo o Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE), os participantes poderão optar por disponibilizar suas informações de contato profissional para as famílias e como referência, através de um banco de dados on-line.

IMPORTANTE: ATENÇÃO AOS HORÁRIOS. A ENTREGA DO CERTIFICADO ESTA VINCULADA A LISTA DE PRESENÇA DIÁRIA E O CUMPRIMENTO INTEGRAL DA CARGA HORÁRIA. SAÍDA ANTECIPADA NÃO SERÁ PERMITIDA, POR TANTO NÃO PROGRAME A SUA SAÍDA ANTES DO TÉRMINO PREVISTO.

Local de Realização: Espaço Ludens

Avenida Francisco José de Camargo Andrade, 920, Jardim Chapadão Campinas, São Paulo , Brasil - 13070-051

Dias:
CURSO I - ABRIL 2017 (REALIZADO): 08 a 12 de Abril de 2017 (Sábado a Quarta)
Horário:

Dia 08 - das 8:30h as 17:00h
Dias 09, 10 e 11 - das 9:00h as 17:00h
Dia 12 - das 08:00h as 13:00h

CURSO II - AGOSTO 2017 (REALIZADO): 11, 12 e 13 de AGOSTO de 2017 (Sexta à Domingo)
CURSO II - SETEMBRO 2017 (vagas esgotadas): 10, 11 e 12 de Setembro de 2017 (Domingo à Terça-Feira)
Horário:

Primeiro dia: das 8:30h as 17:00h
Demais dias: das 9:00h as 17:00h

CURSO III - SETEMBRO 2017: 14, 15 e 16 de Setembro de 2017 (Quinta-Feira à Sabado)
Horário:

Primeiro dia: das 8:30h as 17:00h
Demais dias: das 9:00h as 17:00h

TÓPICOS ESPECIAIS: MARÇO 2018

Primeiro dia: das 8:30h as 17:00h (sujeito a alteração pela USC)
Segundo dia: das 9:00h as 17:00h (sujeito a alteração pela USC)

 

PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO EM INTEGRAÇÃO SENSORIAL USC BRASIL 2018 - FORMULÁRIO DE INTERESSE: https://form.jotformpro.com/72214310097952

Forma de pagamento: Boleto Bancário (a vista ou parcelado).
O primeiro boleto será pré-datado para o mês da inscrição. No caso do parcelamento, AS PARCELAS SÃO DECRESCENTES COM O PASSAR DOS MESES. QUANTO MAIS PRÓXIMA A DATA DE REALIZAÇÃO DO CURSO, MENOR O NÚMERO DE PARCELAS. DEIXANDO PARA SE INSCREVER NO ÚLTIMO MÊS, O PAGAMENTO PASSA A SER EXCLUSIVAMENTE A VISTA.

Curso 1
R$ 2.736,00 à vista (já com 5% de desconto)
R$ 2.880,00. parcelado em até 5X de Novembro de 2016 a Março de 2017*

Boleto(s) pré-datado(s) para as datas fixas:
10/11/16, 10/12/16, 10/01/17, 10/02/17, 10/03/17
*A última parcela não ultrapassa o mês de realização do curso.

 

Curso 2: R$ 1.895,00 à vista (já com 5% de desconto) / R$ 1.995,00 parcelado

R$ 1.895,00 à vista para o mês da inscrição - até julho de 2017.
R$ 1.995,00 parcelado em até 4 vezes
(Parcelas fixas para 10/05, 10/06, 10/07 e 07/08 de 2017)

 

Curso 3: R$ 1.895,00 à vista (já com 5% de desconto) / R$ 1.995,00 parcelado

R$ 1.895,00 à vista para o mês da inscrição - até julho de 2017.
R$ 1.995,00 parcelado em até 7 vezes
(Parcelas fixas para 10/02, 10/03, 10/04, 10/05, 10/06, 10/07 e 10/08 de 2017)

Topicos Especiais (cada um): R$ 1.495,00 à vista (já com 5% de desconto) / R$ 1.575,00 parcelado em até 5 vezes
(datas fixas para 20/10, 15/11, 15/12 de 2017, 15/01, 15/02 e 07/03 de 2018)
PACOTE COM OS 2 TOPICOS ESPECIAIS: R$ 2991,00 à vista ou parcelado em até 6 vezes (datas fixas para 20/10, 15/11, 15/12 de 2017, 15/01, 15/02 e 07/03 de 2018)

PRÉ REQUISITOS

CURSO 1 - REALIZADO!
Autorizado para Terapeutas Ocupacionais, Fisioterapeutas, Fonoaudiólogos, Psicólogos e Médicos.

____________________________

CURSO 2 - AGOSTO - REALIZADO!
Autorizado para Terapeutas Ocupacionais.

Pré requisito para o Curso 2: Ter concluido o Curso 1

CURSO 2 - SETEMBRO - REALIZADO!
Autorizado para Terapeutas Ocupacionais.

____________________________

CURSO 3 - SETEMBRO - REALIZADO!
Autorizado para Terapeutas Ocupacionais.

Pré requisito para o Curso 2: Ter concluido o Curso 1
Pré requisito para o Curso 3: Ter concluido os Cursos 1 e 2

____________________________

TÓPICOS ESPECIAIS - MARÇO 2018 - INSCRIÇÕES ABERTAS!
Autorizado para Terapeutas Ocupacionais.

Pré requisito para o Tópicos Especiais: Ter concluido os Cursos 1, 2 e 3, ou equivalencia da Programa WPS/USC (vide Perguntas Frequentes).

INSCRIÇÕES ABERTAS: PODERÃO SE INSCREVER APENAS OS PROFISSIONAIS QUE APRESENTEM OS PRÉ-REQUISITOS NECESSÁRIOS, TODOS QUE ESTÃO APTOS A CURSAR OS TÓPICOS ESPECIAIS RECEBERÃO UM COMUNICADO POR E-MAIL COM O LINK PARA INSCRIÇÃO. CASO NÃO TENHA RECEBIDO O E-MAIL, FAVOR ENTRE EM CONTATO PELO E-MAIL: cursos@clinicaludens.com.br

 

PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO EM INTEGRAÇÃO SENSORIAL USC BRASIL 2018 - FORMULÁRIO DE INTERESSE: https://form.jotformpro.com/72214310097952